Sistema Educacional

O sistema educacional em Cuba realmente é aquilo que daqui se sabe: são muitas e muitas  Creches, (que eles chamam de Círculo Infantil), além  das Escolas Primárias e das Secundárias.

As crianças dos Círculos Infantis e das Primárias estudam em horário integral, praticam esportes, dança ou música instrumental.

Existem também as escolas Pré Universitárias, Universidades,  Mestrados, Especializações e Doutorados. Também existem os cursos técnicos e outros de curta duração, como culinária, fotografia, línguas estrangeiras, jardinagem, “panaderia” (padeiro) e outros que nem lembro. Tudo sem custo algum para a população.

Não existem escolas particulares, nem uma escola que seja melhor ou pior. Todos, sem distinção, recebem o ensino de sua escolha com alto padrão de qualidade. As creches e as escolas Primárias são sempre pequenas, e são compostas por turmas pequenas também.

Só as Secundárias funcionam em prédios grandes, mas ainda assim as turmas são sempre pequenas.

Muitas pessoas me perguntam como é a educação das crianças que apresentam algum tipo de limitação. Em Cuba, a prioridade são sempre crianças e os idosos, e se a criança é “especial”, ela recebe uma atenção também especial. Muitos profissionais especializados se incumbem de oferecer o melhor para elas. Ainda não sei como, e se trabalham com  inclusão, vou me informar.

Os uniformes escolares são sempre iguais em qualquer escola do país. A cor do uniforme dos alunos os diferencia entre as escolas Primárias e as Secundárias.

O uniforme de todas as meninas e mocinhas  são de Saia-calça, o que lhes dá maior liberdade nos movimentos. Um detalhe curioso e que eu particularmente acho charmoso, é o lencinho que usam no pescoço.

Você pode chegar em Cuba e cruzar com uma criança ou um adolescente Cubano passeando com uma roupa velha ou surrada, mas os uniformes escolares que eles recebem nas escolas  são sempre novos  e impecáveis. No mesmo padrão das nossas melhores escolas particulares brasileiras.

O problema que eu vejo no sistema educacional Cubano é que todos podem e querem cursar Universidade. São formados anualmente inúmeros Engenheiros, Enfermeiros, Pedagogos, Agrônomos, Veterinários, Economistas, Advogados, Jornalistas, Médicos e muito mais. (Em outro momento, vou comentar sobre as escolas de dança e esportes.)

E justamente por isso, falta mão de obra na agricultura. Sem equipamentos, sem maquinários modernos e sem mão de obra, os resultados na Agricultura deixam à desejar.

Nas Universidades estudam, além dos Cubanos, alunos que chegam de 47 países diferentes em busca de formação (muitos são brasileiros). Penso que a procura maior, é pela Faculdade de Ciências Medicas, onde ministram vários cursos da área de saúde.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s